Facebook Twitter Gplus LinkedIn E-mail RSS
Home Wordpress Como migrar um site em WordPress de servidor
formats

Como migrar um site em WordPress de servidor

Publicado em 05/04/2015 por em Wordpress

Objetivos

Migrar e alterar as URLS ao realizar a migração de um banco de dados de um determinado site, fazendo com que os links permanentes e caminho das imagens funcionem corretamente. No meu exemplo vou estar demonstrando como migrar um site feito em WordPress do meu computador local (localhost) para um servidor online.

Atualmente tenho um cliente que possui posts desde 2004, o cliente publica posts todos os dias, e o banco de dados possui 306MB, vou citar algumas formas de realizar restaurações e backups via linha de comando (SSH – que indico para backups de base de dados acima de 100MB), e caso você não tenha esse conhecimento, não se preocupe, você pode utilizar o phpMyAdmin de sua hospedagem de sites.

Mão na massa

Trabalhando com arquivos e banco de dados

Para realizar essa migração, primeiro peguei todos os arquivos do WordPress do servidor atual, e enviei-os para o servidor de destino.

Realizei um dump do banco de dados no servidor atual, e enviei também para o servidor de destino (esse dump pode ser realizado através do phpMyAdmin ou por linha de comando via SSH, caso tenha dúvidas de como realizar esse tipo de backup, o ideal é você entrar em contato com o suporte técnico de sua atual hospedagem e solictar um auxílio), esse dump do banco de dados, nada mais é que os arquivos todas as tabelas do banco de dados com seus conteúdos, unidos tudo em um único arquivo com a extensão .sql

No meu servidor de destino, criei um novo banco de dados e usuário, adicionei as permissões necessárias e importei esse arquivo .sql para o novo banco de dados (caso tenha dúvida de como realizar esses procedimentos, entre em contato com o seu provedor de hospedagem de sites solicitando um auxílio).

Você pode realizar a restauração do banco de dados via phpMyAdmin, eu preferi fazer via SSH (caso sua hospedagem seja um plano Linux, tem como fazer também), o comando que utilizei foi o seguinte:

mysql -h mysql01.SeuDominio -u SeuLogin -pSuaSenha -D SuaBase < arquivo.sql

Como meu banco de dados é muito grande, tive que realizar o tanto o backup quanto o restore via linha de comando com acesso remoto via SSH.

Realizando as atualizações no banco de dados no servidor de destino
Agora precisaremos rodar os comandos de update, para isso precisamos nos conectar ao nosso banco de dados (do servidor de destino) ou então utilizarmos o phpMyAdmin.

Após conectar, certifique-se que o banco de dados que você quer realizar as atualizações, está selecionados.

As tabelas que vamos atualizar são as seguintes:

  1. wp_options
  2. wp_posts
  3. wp_postmeta

Comandos

 

  1. UPDATE wp_options SET option_value = REPLACE(option_value, 'http://localhost', 'http://www.seunovosite.com.br') WHERE option_name = 'home' OR option_name = 'siteurl';
  2.  
  3. UPDATE wp_posts SET guid = REPLACE(guid, 'http://localhost','http://www.seunovosite.com.br');
  4.  
  5. UPDATE wp_posts SET post_content = REPLACE(post_content, 'http://localhost', 'http://www.seunovosite.com.br');
  6.  
  7. UPDATE wp_postmeta SET meta_value = REPLACE(meta_value,'http://localhost','http://www.seunovosite.com.br');

 

Obs: altere onde está escrito www.seunovosite.com.br pelo domínio de seu site real.

Configurações do arquivo wp-config.php
Para finalizar, precisamos atualizar o arquivo de configuração do WordPress apontando os arquivos para nosso banco de dados.

Edite o arquivo wp-config.php e altere as configurações de conexão com o banco de dados.

 

  1. define('DB_NAME', 'NOME_DO_SEU_BANCO');
  2.  
  3. /** MySQL database username */
  4.  
  5. define('DB_USER', 'NOME_DO_USUARIO_DO_BANCO');
  6.  
  7. /** MySQL database password */
  8.  
  9. define('DB_PASSWORD', 'SENHA_DO_BANCO');
  10.  
  11. /** MySQL hostname */
  12.  
  13. define('DB_HOST', 'localhost');

 

 

Se você curtir o post, compartilha ou curte ai no face, se você teve dificuldade ou conseguiu usar, deixe seu comentário. Seu feeedback é de extrema importância.

 
 Compartilahr no Facebook Compartilhar no Twitter Comaprtilhar no Reddit Compartilhar no LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Adonai Diófanes | Wordpress | Drupal | Rio de Janeiro